BIOGRAFIA FOTÓGRAFA
ANDREA GOLDSCHMIDT

Andrea 01.jpeg

Andrea Goldschmidt (São Paulo, 1970) é fotógrafa e artista multimídia com trabalho predominantemente relacionado às Festas Populares Brasileiras.

Seu interesse pelo tema nasceu de seu entusiasmo pela diversidade, pelo poder do coletivo e pelo orgulho que sente de ser brasileira.

 

Neta de alemães e criada dentro de uma comunidade formada por muitos estrangeiros, Andrea compreendeu, desde muito cedo, as potências de construção e de agregação que resultam da diversidade natural e cultural do país onde nasceu.

 

Para a artista, as Festas são uma síntese dessas potências: são acontecimentos profundos e cheios de beleza, que só se tornam possíveis a partir da força dos grupos de pessoas que trabalham juntas, por objetivos comuns, produzindo e transmitindo conhecimento na forma de poesias, músicas, comidas, roupas e danças.

 

Antes da fotografia, Andrea trabalhou, por 15 anos, como especialista em sustentabilidade, criando projetos que só podem existir se valorizados e realizados coletivamente, e dando aulas em universidades. Já se manifestavam aí sua vocação para reunir e transmitir informações para dar visibilidade a temas que considera relevantes.

Em seus trabalhos artísticos, busca sempre a poesia e o colorido que vêm da natureza e dos fazeres tradicionais, bem como a diversidade desse país de dimensões continentais. De sua personalidade otimista, vem a opção por dar destaque ao singelo e ao belo e passar ao largo das visões estereotipadas e superficiais sobre o Brasil.

 

Em 2015, Andrea criou o www.festasbrasileiras.com.br, um portal em constante crescimento, que concentra informações, curiosidades, fotos e vídeos sobre as festas. O objetivo do portal é criar pontes e despertar o interesse das pessoas pelo tema.

 

Em 2020, com verba de um prêmio recebido da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, realizou o projeto Caminhos do Divino, uma imersão na Festa do Divino de São Luiz do Paraitinga por meio de fotografias, vídeos, realidade virtual e realidade aumentada.

PRÊMIOS

2019 ProAC edital #10/2019 (SP) - Webdocumentário Caminhos do Divino

PUBLICAÇÕES

2021 "Mostra Eu Mais Velha". Catálogo da exposição coletiva - Pág. 5

2021 "Respira - Avenida Paulista 130 anos". Catálogo da exposição coletiva - Pág. 9

2021 "Benzedeiras - tradição milenar de cura pela fé". Catálogo da exposição coletiva - Pág. 95

2020 "Cyanotype Day 2019 - Terra, Céu & Mar". Catálogo da exposição coletiva - Pág. 14

2018 "Sustentabilidade na caatinga cearense". Revista Plurale, edição #61, pág. 54 a 59

2016 "Ritos e Rituais". Catálogo da exposição JFoto16 - Pág. 92

2016 "A incrível diversidade cultural brasileira". Revista Plural, edição #52, pág. 48 a 53

2016 "Almas em movimento". Revista Grayscale Photography, edição #1, pág. 12 e 13

http://issuu.com/fotografiaetal/docs/revista_grayscale_photography_-_e00

2015 "Respira - árvores paulistanas ". Catálogo de exposição coletiva - Pág. 22

EDUCATIVO

2020 Caminhos do Divino - Dicas para planejamento de aulas - BNCC - Ensino Fundamental. E-book para professores

2018 Festas Populares Brasileiras. Entrevista junto ao presidente do Condephaat e do Iphan, Antonio Augusto Arantes Neto, para o Programa Capital Natural. Band News

Parte 1

Parte 2

2017 "Festas Populares Brasileiras". Aula Aberta na rádio ESPM

PRODUÇÃO CULTURAL

2022 SESC Campinas - Projeto Conexões Turísticas - Produção de 3 encontros virtuais sobre as festas populares Brasileiras – Festa do Divino, Festas de tradição japonesa (Sakura Matsuri e Tooro Nagashi) e Festa de Iemanjá.

 

2021 SESC Ribeirão Preto - projeto Brasil Vivo - Produção de 6 encontros virtuais sobre as festas populares brasileiras Boi Bumbá, Maracatu de Baque Solto, Cavalhadas, Semana Farroupilha, Procissão das Almas, Festa do Divino. Mediação de entrevistas com convidados locais e apresentação de obras.

2020 Projeto Caminhos do Divino - Produção de 8 encontros virtuais sobre a Festa do Divino de São Luiz do Paraitinga, incluindo a apresentação de obras e a mediação de entrevistas com convidados locais.