Ensaio "Caboclinhos"

 

As lindas fantasias, cheias de penas e de brilhos são um tributo à dupla raiz do povo conhecido como caboclo: meio europeus, descendentes dos nossos colonizadores, meio indígenas, descendentes dos habitantes locais na época do descobrimento.

Dos europeus herdaram o gosto pelo brilho e pela exuberância do nosso ouro. Dos índios herdaram o uso de materiais da nossa natureza exuberante e, assim, o que vemos são cabaças, penas de aves vistosas e muitos detalhes dourados nas fantasias usadas nessa festa.

A dança com passos rápidos e vigorosos e o incessante movimento de arcos, flechas e lanças ecoa a sua origem conflituosa.

No Carnaval do Recife, a festa dos caboclinhos homenageia esse povo guerreiro que hoje luta para preservar sua identidade e para manter e valorizar os traços culturais de ambos os povos que representam. Uma festa que relembra o melhor de cada um dos seus e dos nossos antepassados.

São Paulo - Brasil