close no rosto de um indígena guarani, com o rosto pintado de vermelho com faixas pretas

DIA DOS POVOS INDÍGENAS

 

SINTA-SE LÁ

Dia 19 de abril. Com suas brincadeiras alegres e descontraídas os Guaranis da Aldeia Rio Silveirinhas, no litoral de São Paulo, recebem alguns “homens brancos” em suas terras.

Promovem uma vivência interessante para quem tem pouco contato com a cultura indígena: pintam os rostos e os corpos dos visitantes com a mesma padronagem que usam para enfeitar a si mesmos. Divertem-se ensinando jogos de roda que envolvem adultos e crianças. Adaptam as brincadeiras ao nível de dificuldade que cada um é capaz de atingir. Sem dizer nada, dão uma lição de inclusão.

 

Arco e flecha, cabo de guerra, corridas com obstáculos. Eles vencem todas as disputas contra os "brancos", mas demostram uma enorme humildade em relação a isso.

 

Ensinam palavras em guarani aos poucos curiosos. Toda tribo fala português perfeitamente.

O clima é de descontração e alegria. A liberdade de brincar ao ar livre em um dia ensolarado. Era uma quarta-feira.

 

FOTOS

 

ONDE FICA?

Bertioga (SP)